Atualização do site: Resolução CONTRAN 780/2019 e Deliberação CONTRAN 185/2020

sexta-feira, 28 de junho de 2013


                                                                RESOLUÇÃO 36, DE 21 DE MAIO DE 1998








Comentada pelo Prof. Fábio Silva

     Estabelece a forma de sinalização de advertência para os veículos que, em situação de emergência, estiverem imobilizados no leito viário, conforme o art. 46 do Código de Trânsito Brasileiro.

Comentário:

Art. 46. Sempre que for necessária a imobilização temporária de um veículo no leito viário, em situação de emergência, deverá ser providenciada a imediata sinalização de advertência, na forma estabelecida pelo CONTRAN.



Resolve:

Art.1º O condutor deverá acionar de imediato as luzes de advertência (pisca-alerta) providenciando a colocação do triângulo de sinalização ou equipamento similar à distância mínima de 30 metros da parte traseira do veículo.

Comentário:

      O uso correto do triângulo pode evitar NOVOS acidentes. Pode ser usado também a vegetação local para sinalizar. Se você arrancar galhos com folhas e espalhá-los sobre a via, certamente outros condutores serão advertidos de algum problema grave na via. Lembre-se que se você deixar de sinalizar a via em algumas situações do CTB pode incorrer em penalidade de multa :

Art. 225. Deixar de sinalizar a via, de forma a prevenir os demais condutores e, à noite, não manter acesas as luzes externas ou omitir-se quanto a providências necessárias para tornar visível o local, quando:

I - tiver de remover o veículo da pista de rolamento ou permanecer no acostamento;
II - a carga for derramada sobre a via e não puder ser retirada imediatamente:

Infração - grave;
Penalidade - multa.

E, se você deixar de remover a sinalização, também poderá incorrer em penalidade de multa:

Art. 226. Deixar de retirar todo e qualquer objeto que tenha sido utilizado para sinalização temporária da via:

Infração - média;
Penalidade - multa.

Lembre-se : Sinalizar é a melhor forma de prevenção de novos acidentes.

Parágrafo único. O equipamento de sinalização de emergência deverá ser instalado perpendicularmente ao eixo da via, e em condição de boa visibilidade.

Art. 2º Esta Resolução entra em vigor na data de sua publicação.

9 comentários:

  1. Bom dia senhores,
    a resolução fala em triângulo de sinalização ou outro "equipamento similar". Existe outro equipamento similar homologado pelo Denatran, que não seja o triângulo?
    Att.,
    Paulo César

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Olá meu caro,

      Ignore o "equipamento similar", pois este ainda não existe. O único dispositivo refletor de emergência homologado até a data de hoje é o triângulo de sinalização. Criado o termo "equipamento similar" com vistas à possível evolução tecnológica em criar outro equipamento refletor mais eficiente.

      abraço!

      Excluir
  2. Bom dia!
    A minha pergunta é: o cone pode substituir o triângulo?

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Não, cone é complemento a sinalização nos veículos de passeio.

      Excluir
    2. Não pode o cone? Se podem ser utilizados galhos de árvores para sinalizar, pq não cones?
      Deixo aqui minha indagação?

      Excluir
  3. Uma coisa é substituir, outra é complementar...
    tanto o cone quanto o galho de árvore podem complementar, mas não substituem o triângulo de sinalização.

    ResponderExcluir
  4. A gravidade da infração por estacionar nos acostamentos, está bem diferente da legislação em vigor

    ResponderExcluir

Obrigado pelo comentário, em breve será publicado. Veja as regras de uso do site.

CONCURSO PRF - 1.500 Questões Comentadas e Anotadas de CTB e Resoluções do CONTRAN

EDIÇÃO 2020 (Spider): 1.500 Questões Comentadas e Anotadas de CTB e Resoluções do CONTRAN LIVRÃO CONCURSO PRF 1.500 QUESTÕES COM...